Foto: Luis Claudio Abreu / Agora Laguna
 

Cinco empresas se apresentaram à Comissão Permanente de Licitações (Copeli) da prefeitura de Laguna para concorrer à licitação para a execução do acesso Norte. A entrega de documentos foi realizada na tarde desta terça-feira, 3, e a vencedora do certame deve ser anunciada em breve.

As concorrentes são: BCL Empreendimentos (Orleans); Confer (Criciúma); Setep (Criciúma); JR Construções (Içara); e Qualidade Construções (Palhoça). A divulgação da escolhida para fazer a obra não ocorreu nesta terça, pois o projeto de engenharia precisa passar por análise de Secretaria de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Econômico e Social e a documentação tem de ser apreciada pela Copeli.

Durante a conferência dos documentos pelos concorrentes, o presidente da comissão Valdomiro de Souza explicou que não serão fixados prazos, para que os trabalhos não sejam apressados e que tudo possa ocorrer normalmente. “Queremos fazer o mais rapidamente possível e eu julgo que vai ser rápido isso com base em processos semelhantes”, pontuou.

A expectativa mais promissora é que o processo seja finalizado em uma semana.

A obra

O projeto tem um total de 5,3 quilômetros, iniciando na Avenida João Marronzinho, passando pela Rua Arno João Jerônimo, seguindo pelo bairro Barbacena, até a BR-101.

De acordo com a prefeitura de Laguna, no traçado do novo projeto não serão necessárias indenizações para moradores e proprietários de terras da região. A obra está orçada em R$ 8,5 milhões, mas a expectativa é que todo esse valor não seja necessário. O financiamento para a obra foi aprovado pela Câmara em maio deste ano.

O governo municipal trabalha com a possibilidade de os trabalhos iniciarem em 2020, se todo o processo licitatório correr normalmente, sem impugnações ou entraves burocráticos e administrativos.