Foto: PC/Agora Laguna
 

Uma suspeita de desvio de verba pública motivou o afastamento temporário da diretora de uma escola estadual nesta quinta-feira, 14, em Pescaria Brava. A investigação apura o uso indevido de cartão de pagamento do Estado para compra de objetos pela direção da unidade, que não foram colocados à disposição dos estudantes.

O cartão usado é de responsabilidade exclusiva do gestor escolar para uso na compra de materiais para a instituição escolar. Aquisições irregulares motivaram o pedido de três mandados de busca e apreensão e da liminar de afastamento, representados pela delegacia policial da cidade à Justiça de Laguna.

Segundo a Polícia Civil, foram apreendidos documentos na escola que serão analisados pelos investigadores. Os agentes cumpriram os mandados na unidade, na residência da gestora, e no estabelecimento onde teria ocorrido a compra com o cartão de pagamento do Estado.

O Portal Agora Laguna procurou a Coordenadoria Regional de Educação que informou aguardar informações oficiais sobre o fato, antes de qualquer manifestação. A corporação disse que o nome da escola não será divulgado para não atrapalhar os trabalhos policiais.